Quem me lê

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Auge da paixão


Quero sentir o peso do seu corpo sobre o meu, sentir o seu calor, o jeito gostoso que tem de fazer amor...
Quero me entregar, total, sensual, liberal, de forma descomedida, plenamente, quero me deixar envolver, quero que me conduzas pelos caminhos que me farão ver as estrelas, quero o prazer total da sua companhia, dos seus carinhos, dos seus beijos, dos movimentos sincronizados dos nossos corpos...
Quero você pra mim, louco de tesão, cheio de desejos, fantasias que me excitam!
Quero que me beije o corpo todo, começando pela nuca e terminando pela passagem secreta, que você conhece bem e que te deixa enlouquecido de prazer...
Quero que me realizes como mulher e quero te realizar como homem, ambos no auge da paixão, numa entrega total!

By Cristina Almeida ( Desenho de Cristina Almeida )

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

" O hoje " - By Cristina Almeida


" O hoje "

Viva suas próprias experiências
sem medo de ser feliz
porque o "hoje" é curto
e o "amanhã" não existe...
Querer se preservar
do gosto amargo
da vida, pode parecer
bom, razoável...
Mas também pode
significar: prisão,
repressão, solidão...
E o que se ganha
quando o futuro
não está em nossas mãos?
Enquanto temos o presente,
vivamos nele!
Nos apaixonemos, vivamos o amor
em toda sua plenitude!
Enquanto o "hoje" existe,
enquanto temos alguém
para amar e que nos ame!
Tudo pode ser muito
grandioso, enquanto
o "hoje" existe!
Hoje temos o "mundo"
em nossas mãos!!!
Para viver, para sentir,
para se entregar...
Virar as costas para
o "hoje" pode significar
não ter o "amanhã"...

By Cristina Almeida

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Intensidade


A insaciável sede de encontrar
em algum lugar, qualquer lugar
alguém pra amar...
De buscar nas entranhas
essa ligação forte
homem, mulher,
que faça o coração bater forte...
De sentir tua fome enorme
por mim, e de te mostrar
a intensidade do quanto posso te amar...
Sentir-te dentro de mim,
ousado, voraz, intenso,
me fazendo sentir-te pleno...
Pleno de tesão, pleno de carinho,
pleno de amor...
Te quero assim pra mim,
inteiro, guloso,
me satisfazendo como mulher,
pois você me tem,
quando e quanto quiser...

By Cristina Almeida

domingo, 8 de novembro de 2009

Caminhos...


Foto de Cristina Almeida, efeitos feitos no computador.

Artesanato


Trabalho de decoupagem em relevo com pintura craquelê
By Cristina Almeida

sábado, 7 de novembro de 2009

O nevoeiro da incredulidade


A primeira mulher a atravessar a nado o Canal da Mancha foi uma jovem de vinte anos de idade. Seu nome era Gertrude Ederle e esse fato se deu no dia 6 de agosto de 1926. Depois dela, uma outra mulher, de trinta e quatro anos, Florence Chadwick, tornou-se a primeira mulher a atravessar o Canal da Mancha, nos dois sentidos.

Mas, em 1952, essa mesma mulher decidiu atravessar a nado os 33 km entre a Ilha de Catalina e Long Beach, na Califórnia. O dia 4 de julho, escolhido para a proeza, não estava propício. A manhã estava muito fria e havia um nevoeiro intenso.

Ela se preparou e mergulhou na água. Contudo, mal conseguia ver os barcos que a acompanhavam. O nevoeiro era denso. O frio e o cansaço não conseguiam fazê-la desistir. Ela podia ouvir as vozes de incentivo do treinador.

Contudo, as forças a foram abandonando. Ela continuou nadando. Era a sua determinação a lhe ordenar que prosseguisse. Mas, um pouco antes de chegar à praia, ela pediu para ser recolhida a bordo. De nada valeram as rogativas de sua mãe e de seu treinador.

_ Não posso mais! Não aguento mais! Dizia ela.

Minutos depois ela descobriu que restavam apenas oitocentos metros para chegar à praia. Ante a desolação dos que lhe seguiram os esforços de perto, incentivando-a, falou:
_ Não estou dando desculpas, mas se eu tivesse conseguido ver a praia, poderia ter chegado até lá.

Florence Chadwick foi vencida não pelo frio, nem pelo cansaço. Foi derrotada pelo nevoeiro.

Moral da História

Certamente, nem você e nem eu sabemos quanto tempo nos resta, quantos quilômetros ainda teremos de caminhar até chegarmos ao fim de nossa estrada neste planeta. Por isso mesmo, jamais devemos desistir. A vida não nos permite enxergar o amanhã com clareza.
Podemos, sim, ter uma noção, mas jamais a certeza do que nos espera por detrás do nevoeiro.

Dica:

Você pode desistir de um caminho que não seja bom para você, mas nunca de caminhar. Como dizia a música de Toquinho ( Aquarela ):
" Nesta estrada, não nos cabe conhecer ou ver o que virá... e o fim dela, ninguém sabe bem ao certo onde vai dar. Vamos todos juntos numa linda passarela, de uma aquarela que um dia, enfim, descolorirá!".
Não se deixe derrotar pelo nevoeiro das incertezas, das dúvidas e dos obstáculos; porque depois dele, sempre há a luz do sol.

( Conteúdo retirado de: " Histórias para viver feliz "/ Coleção Motivação / Editora Minuano )

domingo, 1 de novembro de 2009

Olhar de Cris


Dizem que o olhar diz tudo,
acho que sim, pois quando
queremos esconder algo,
desviamos o olhar...
Ficamos com o olhar perdido...
Quando nos apaixonamos
é o encontro de olhares
que faz o coração bater mais forte,
que faz agente se desconcertar...
De fato um olhar diz muito...

By Cristina Almeida

sábado, 31 de outubro de 2009

Sólo de Mulher


Aquarela sobre tela - 24x30 - Disponível
By Cristina Almeida

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

A alma de uma mulher...



A alma de uma mulher...
Algo complexo, envolvida em mistérios,
Conhece-la, profundamente, seria como mergulhar
no fundo de um oceano e ainda assim,
sair de lá, cheio de dúvidas e sem nada
de fato conhecer!
A alma de uma mulher...
É uma flor desabrochando, é seu perfume
exalando os tons de atração
é a batida descompassada de seu coração...
A alma de uma mulher...
Não queira entende-la, pois não conseguirá jamais...
É um enigma, perderá seu tempo...
Apenas se deixe envolver, apenas se embriague
de sua paixão, apenas se entregue...
A alma da mulher, se tornará transparente
para aquele que foi escolhido
pelo seu coração pra ser
o seu amor, a sua paixão...

By Cristina Almeida

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Flores Silvestres - Aquarela sobre tela



By Cristina Almeida

Serenidade - Nanquin sobre tela



By Cristina Almeida

Devaneios de Mulher - Pintura feita com café


By Cristina Almeida

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Louca



Seu tom de voz mexe comigo, seu olhar me entontece
Sua respiração faz meu coração bater mais rápido
O encostar do seu corpo no meu, faz meu fogo se acender,
e aí você me deixa louca, louca!
Você atiça todos os meus sentidos, e ficam assim,
sem medidas, alvoroçados e impacientes!
Você me enlouquece! Me deixa num estado de paixão
descomedida, sem freios...
E pra quê freios? Se em teus braços quero me perder!!!
Quero me embrenhar por dentro do teu corpo,
me perder nessas carícias assanhadas, me deliciar
com teus beijos, me extasiar de paixão contigo, amor!!!
Assim, assim, ir te mostrando os caminhos do meu prazer,
encontrar os caminhos dos teus...
Ficar louca com você!!!

By Cristina Almeida

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Arara em Aquarela Sobre Tela


Tela 16x22, trabalho em aquarela sobre tela
By Cristina Almeida

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Vozes do Rock



Primeiro trabalho abstrato que faço, óleo sobre tela.

Luz de Vela



Pintura feita com café, segundo trabalho que faço usando essa técnica, natureza morta.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Essência...



Essência...

Gotas de chuva escorrem pela vidraça da janela, um olhar triste e um coração solitário...Sua vida passa toda em sua mente como se fosse um filme, vendo e revendo passo a passo toda sua jornada de vida, você se pergunta em que momento perdeu o controle de tudo ou se alguma vez você teve o controle de alguma coisa?
Tudo parece ser tão dificil pra você, se sente perdido, sem direção...Finalmente se dá conta de que seu mundo é muito restrito, poucos amigos, pouco calor humano...
Mas você sabe que la no fundo, sua essência está preservada, porque você a mantém assim, é ainda a única coisa de que tem certeza em você...
E você luta desesperadamente para manter sua essência viva, pois sem ela, sua vida se desvanece, escorre por entre os dedos e tudo se acaba...
Por essa essência forte, continua lutando bravamente, mesmo quando o desânimo aparece, mesmo com todos lhe dizendo para desistir, para se contentar em viver no seu pequeno mundinho...Mesmo assim, você encontra forças la no fundo para prosseguir...
Acredite! Acredite mais em você, em sua capacidade, em sua inteligência...
Acredite! Você conseguirá!

By Cristina Almeida

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Outono de um lindo pôr de sol



Sentada na areia da praia, contemplando uma tarde de outono, onde um lindo pôr de sol se podia apreciar...
Pensando na vida, nas coisas já vividas e nas coisas que se quer viver ainda, pensando num jeito doce de amar, de se apaixonar a cada instante, pensando em como seria bom ser livre, poder voar como os pássaros lá no céu o fazem...
Nesse instante, você já não está mais ali, mas se deixou transportar para um distante lugar, onde só você pode estar com seus pensamentos e onde ninguém pode entrar!
Assim pode ficar um bom espaço de tempo, com os olhos perdidos e voando alto, bem alto, onde ninguém pode te alcançar...
É outono de um lindo pôr de sol... E você gostaria que ficasse assim pelo resto de seus dias, aquela brisa fria, aquele ar de calor do sol que não te queima, mas que te aquece suavemente e uma vontade imensa de estar ao lado de alguém muito especial...
Para quem sabe... Te amar... Para quem sabe... Se apaixonar...

By Cristina Almeida

Arte em Jornal e Papelão ( Reciclagem )


Uma peça decorativa para porta de quarto de criança, toda feita em papelão e jornal, peças utilitárias que podemos fazer com material reciclavel, como o jornal e o papelão.

Arte Francesa


Um trabalho em 3D, muito interessante e gostoso de fazer.
By Cristina Almeida

Aquarela Sobre Tela



Primeiro trabalho em aquarela sobre tela.
By Cristina Almeida

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Ousadia... Cristina Almeida



Ousadia... Vem suavemente,
com seus olhos penetrantes
seu perfume insinuante...
Ousadia... Vem mostrando
sem pudor sua forma
de querer amor
Ousadia... Mostras
o que és de noite
e de dia...
Não ouso contestar-te
porque me sabes envolver
nesta mesma forma
de querer
Não ouso fingir,
pois se queres,
eu quero, não adianta mentir
Não ouso fugir,
pois em teus braços
quero de fato cair
Ousadia minha falar assim,
mas pra quê dissimular,
se ao teu lado quero estar?
Ousadia a nossa
vem com teus lábios
e a nuca me roça
Façamos amor por inteiro,
com pernas, braços, beijos,
com tudo que temos direito!
Vamos ousar
em nosso modo de amar...

By Cristina Almeida

Meu Desenho - Rosto 7



Treinando rosto.

A janela - Cristina Almeida



Tudo fica tão estranho, quando a janela que estava fechada por muito tempo, de repente se abre e nos mostra um mundo todo cheio de vida e novas perspectivas que antes não conseguíamos enxergar ou melhor, podíamos vê-lo, mas o medo de viver, nos aprisionava dentro daquele quarto e nem sequer conseguíamos abrir a janela pra olhar o que estava acontecendo lá fora.
O nosso mundo se resumia àquele espaço que nos foi dado e resignadamente o aceitamos como forma de vida, sem lutar, sem buscar por nossos direitos!
Onde está aquele sonho de liberdade, onde está a juventude, a alegria, onde está a lista dos nossos ideais???
Sou aquela que costumava costurar meus sonhos com linhas frageis, sou aquela que pintava telas com tintas transparentes demais e que por isso não conseguia obter a beleza desejada em minhas telas...
Mas um dia, sempre tem que ter um dia, que as vezes conseguimos ajuda para poder ver e para dentro de nós construirmos uma mudança total, de espírito, de vontade...
É quando conseguimos ver uma luz, uma luz que as vezes nos incomoda por trazer para fora a verdade do que realmente devemos fazer...
Basta agora reunir forças para ter coragem, para poder dar o passo mais importante de nossas vidas e assumir as mudanças que devemos fazer em nós, para que assim, somente assim, possamos voltar a viver!

Cristina Almeida

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Simplesmente Mulher sobre tela pintura com café



Meu primeiro trabalho em tela com pintura feita com café, a tela é pequena 12X22, para treinar a técnica.
Espero que gostem.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

O que fazer para aquecer a relação?



Em primeiro lugar, se livrar dos "Tabus", das vergonhas, de tudo que possa te fazer sentir-se "amarrada",tem de usar sua feminilidade, sua sensualidade, trazer para o momento, toda uma atmosfera romântica e ao mesmo tempo, cheia de erotismo.
Tem de sentir-se a supermulher! Liberada e pronta para as diversas formas de amor, de amar!
Fazer seu homem sentir-se o único ser do planeta! Entregar-se às carícias, beijos suaves no pescoço, orelhas, umbigo...
Beijar seus lábios com beijos de boca bem suaves, molhados e ardentes, mostrando todo seu desejo por ele... Ser senhora de si, sabendo o que quer, mostrando para seu homem que você tem desejos, assim como ele também os têm!
Sabendo que entre quatro paredes vocês podem tudo, desde que estejam dispostos e de acordo.
Para aquecer a relação é preciso estar livre dos "Tabus",é preciso estarem dispostos e de acordo em se liberarem, é preciso estar dispostos a aprenderem coisas novas, a serem criativos na hora do amor. Sim! Pra amar, pro amor, também ambos devem ser criativos!!!
Creio que dessa forma, ambos: Homem e Mulher, encontrarão a fórmula, para aquecer a relação e para a renovação do amor.

Cristina Almeida

Sonhos de uma mulher - Cristina Almeida



Os sonhos de uma menininha: Ganhar uma boneca, a mais linda que houver, ter uma amiguinha, poder brincar, correr, sorrir...
Os sonhos dessa menina mais tarde... Na adolescência... Se tornar uma mulher, e antes de tudo acontecer em sua vida, ela sonha em encontrar um grande amor...
Se encanta por um rapaz, se apaixona, pensa que esse é o grande amor de sua vida, por quem tanto esperou...
Mas aí, acontece a sua primeira grande decepção... O sonho tão lindo do amor, agora não parece tão lindo!Cada um pro seu lado e o coração parece estar em pedaços...
Mas seus sonhos não morreram, ela olha e vê que tem um caminho a percorrer e que nesse caminho ainda ocorrerá muitas coisas, muitas paixões, erros e acertos e com certeza seu aprendizado será ainda maior!
O mais importante pra essa mulher é que aquela menininha que ela foi um dia, ainda vive dentro dela, junto com a adolescente sonhadora, que em seus pensamentos "Tudo" podia!
Essa mulher pôde entender a enorme capacidade do ser humano se renovar, se refazer por dentro, mesmo quando tudo parece estar perdido!E o primeiro passo pra isso é: Se amar!
É manter aquele brilho no olhar, de quando alvoroçada abre um embrulho de presente e vê aquela boneca que tanto queria!!!
È sentir o coração bater forte, do mesmo momento quando sente o prazer do seu primeiro beijo de amor!!!
È resistir ao tempo em continuar lutando por seus sonhos, por tudo em que acredita, mesmo quando bate o desânimo!!!
Seus sonhos de menina, adolescente e mulher...È poder sempre enxergar um horizonte pra sua vida e nunca achar que ele está longe demais para ser alcansado!
È poder um dia, olhar pra trás e dizer: "Eu lutei por isso,lutei por meus sonhos e consegui chegar onde queria!!!"

Cristina Almeida

Desenho de Moda By Cristina Almeida

Meu Desenho Mangá Sensual

Meu Desenho Rosto 5



Treinando rostos...

sábado, 13 de junho de 2009

Arte... Cada momento de criação pra mim é um orgasmo!!!



Adoro arte! Nada me dá mais prazer na vida do que estar envolvida com arte, seja pintando, desenhando, executando um trabalho artesanal ou escrevendo uma poesia ou um texto.
Estar envolvida com a arte, me completa, me sinto uma pessoa realizada, a arte é a minha paixão, a arte povoa minha mente de criatividade, gosto de criar, gosto de aprender coisas sobre arte, artesanato, pintura, enfim! Todo esse mundo de infinitas possibilidades...
Isso está enraizado em mim, não posso conter e nem quero! Gosto de escrever, falar de amor, mexer com as palavras como se eu fosse dar destino as coisas...
O mundo das palavras também é muito interessante! Nele podemos viver, fazer e ter um grande amor ou não...
Entro em êxtase quando estou escrevendo, sinto prazer em cada palavra escrita...
Para mim, cada momento de criação é como se estivesse tendo um orgasmo, maravilhoso e intenso!!!
Desses que não dá pra esquecer!!!

Cristina Almeida

Desenho de Moda By Cristina Almeida

Desenho de Moda By Cristina Almeida

Simplesmente Mulher - Desenho Meu

Kama Sutra



Geralmente conhecido no mundo ocidental como Kama Sutra, é um antigo texto indiano sobre o comportamento sexual humano, amplamente considerado o trabalho definitivo sobre amor na literatura sânscrita. O texto foi escrito por Vatsyayana, como um breve resumo dos vários trabalhos anteriores que pertencia a uma tradição conhecida genericamente como Kama Shatra.

“Ao contrário do que muitos pensam, o Kama Sutra não é um manual de sexo, nem um trabalho sagrado ou religioso. Ele também não é, certamente, um texto tântrico. Na abertura de um debate sobre os três objectivos da antiga vida hindu - Darma, Artha e Kamadeva - a finalidade do Vatsyayana é estabelecer kama, ou gozo dos sentidos, no contexto. Assim, Darma (ou vida virtuosa) é o maior objetivo, Artha, o acúmulo de riqueza é a próxima, e Kama é o menor dos três.” — Indra Sinha.[1]

Kama é a literatura do desejo. Já o Sutra é o discurso de uma série de aforismos. Sutra foi um termo padrão para um texto técnico, assim como o Yôga Sútra de Pátañjali. O texto foi escrito originalmente como Vatsyayana Kamasutram (ou "Aforismos sobre o amor, de Vatsyayana"). A tradição diz que o autor foi um estudante celibatário que viveu em Pataliputra, um importante centro de aprendizagem. Estima-se que ele tenha nascido no início do século IV. Se isso for correto Vatsyayana viveu durante o ápice da Dinastia Gupta, um perído conhecido pelas grandes contribuições para a literatura Sânscrita e para cultura Védica.

Trechos do livro

"Foi dito por alguém que não há ordem ou momento exatos entre o abraço, o beijo e as pressões ou arranhões com as unhas ou dedos, mas que todas essas coisas devem ser feitas, de um modo geral, antes que a união sexual se concretize, ao passo que as pancadas e a emissão dos vários sons devem ocorrer durante a união. Vatsyayana, entretanto, pensa que qualquer coisa pode ocorrer em qualquer momento, pois o amor não se incomoda com o tempo ou ordem."
"Quando o amor se intensifica, entram em jogo as pressões ou arranhões no corpo com as unhas. As pressões com as unhas, entretanto, não são comuns senão entre aqueles que estejam intensamente apaixonados, ou seja, cheios de paixão. São empregadas, juntamente com a mordida, por aqueles para quem tal prática é agradável

( Conteúdo retirado da Wikipédia )

Dieta



Dieta refere-se aos hábitos alimentares individuais. Cada pessoa tem uma dieta específica (saudável ou não). Cada cultura costuma caracterizar-se por dietas particulares. Contudo, em termos gerais, o uso popular desta palavra costuma apenas definir dieta como uma forma de conter o peso e manter sua saúde em boa condição.

Para seguir uma dieta, convém consultar um médico ou nutricionista, a fim de conhecer a dieta adequada ao seu organismo.

A escolha de alimentos certos na proporção correta, bem como a prática de exercício físico com orientação de um especialista, evitando uma vida sedentária, são considerados fatores essenciais para a manutenção da saúde. Uma "dieta" restritiva e que não tenha em conta as necessidades do organismo poderá ter efeitos desastrosos. Por isso, uma adequada avaliação nutricional individual evita desequilíbrios na dieta que podem levar a problemas de saúde, tais como deficiências nutricionais específicas ou calórico-protéicas e o excesso de peso ou obesidade. também, ter uma vida saudável não é fazer apenas dieta, é não ter uma vida sedentária.

Divervas dietas tornaram-se populares nas últimas décadas, algumas passageiras, outras polêmicas e outras com maior comprovação científica. Exemplo de dietas:

Dieta do Dr. Atkins Dieta de Atkins. Restrição radical ao consumo de carboidratos, ou seja massas, doces, açúcares, e até mesmo frutas e verduras.
Dieta de South Beach. Restrição total de carboidratos em seu início, evoluindo com restrição parcial, permitindo carboidratos ricos em fibras.
Dieta do Super Café da Manhã. Dieta com restrição de carboidratos com ênfase calórica na primeira refeição do dia.
Dieta Dash. Dieta desenvolvida para combater a hipertensão arterial por especialistas americanos

( Conteúdo retirado da Wikipédia )

Elvis Presley



Elvis Aaron Presley (East Tupelo, Mississippi, 8 de janeiro de 1935 - Memphis, 16 de agosto de 1977) foi um famoso cantor, músico, ator, nascido nos Estados Unidos da América, sendo mundialmente denominado O Rei do Rock, também conhecido pela alcunha de Elvis The Pelvis, apelido pelo qual ficou conhecido na década de 50 por sua maneira extravagante e ousada de dançar. Uma de suas maiores virtudes era a sua voz, devido ao seu alcance vocal, que atingia, segundo especialistas, notas musicais de difícil alcance para um cantor popular. A crítica especializada reconhece seu expressivo ganho, em extensão, com a maturidade; além de virtuoso senso rítmico, força interpretativa e um timbre de voz que o destacava entre os cantores populares, sendo avaliado como um dos maiores e por outros como o melhor cantor popular do século 20.

Elvis Presley possui ascendência escocesa por parte de pai;
Gladys Love Smith, mãe de Elvis, posteriormente conhecida como Gladys Presley, nasceu no dia 25 de Abril de 1912 em Pontotoc no Mississippi.
Elvis Aaron Presley nasceu na cidade de East Tupelo (East Tupelo seria agregada mais tarde à cidade de Tupelo, formando assim uma única cidade), no Estado do Mississippi, no dia 8 de janeiro de 1935.
Elvis trabalhou em várias atividades. Foi lanterninha de cinema e motorista de caminhão. Concluiu seus estudos em 1953. Nas horas vagas, cantava e tocava seu violão e, eventualmente, onde possível, arriscava alguns acordes ao piano. Reza a lenda que apreciava cantar na penumbra e até em breu total.

Anos 50

Começo da carreira profissional

Em 18 de Julho de 1953 e posteriormente em 4 de Janeiro, 5 de Junho e 26 de Junho de 1954, Elvis grava algumas canções de forma experimental, no "Memphis Recording Service", filial da Sun Records. Entretanto, em julho de 1954, Elvis entra em estúdio e grava outras canções iniciando assim sua carreira profissional. No dia 5 de julho de 1954, considerado o "marco zero" do rock, Elvis ensaiava algumas canções , até que, em um momento de descontracção, de forma improvisada, começou a cantar "That's All Right, Mama", provocando em Sam Phillips um grande entusiasmo.Surgia então o rock'n and roll. "Take" realizado, nova canção, no gênero, foi concebida; dessa vez, "Blue Moon of Kentucky", com nova grande aprovação. Ambas comporiam seu primeiro disco, um "compacto simples" (single). Participaram das sessões, além de Elvis e Sam, o guitarrista Scotty Moore e o baixista Bill Black.

Em 1956, Elvis tornou-se uma sensação internacional. Com um som e estilo que, uníssonos, sintetizavam suas diversas influências, ameaçavam a sociedade conservadora e repressiva da época e desafiavam os preconceitos múltiplos daqueles idos, Elvis fundou uma nova era e estética em música e cultura populares, consideradas, hoje, "cults" e primordiais, mundialmente. Suas canções e álbuns transformam-se em enormes sucessos e alavancaram vendas recordes em todo o mundo. Elvis tornou-se o primeiro "mega star" da música popular, inclusive em termos de marketing.

Ida ao Exército

Em 1958, Elvis foi para o exército, uma convocação real, facilmente descartável, porém aproveitada comercialmente por seu empresário para expandir sua faixa de público. Transferido, permaneceu na Alemanha de outubro de 1958 até março de 1960. Em agosto de 1958, o falecimento de sua mãe transformar-se-ia no marco mais dramático de sua vida. Elvis jamais voltaria a ser o mesmo no quesito pessoal. Ironicamente, nesse momento, Elvis é o maior ídolo mundial de todos os tempos.


Anos 60

A volta do Exército

Em março de 1960, Elvis retornou da Alemanha e surpreendeu o mundo ao aceitar o convite para participar do programa de Frank Sinatra, "The Frank Sinatra Show - The Timex Special", realizando uma de suas melhores performances televisivas. Selou, a partir de então, uma relação de cordialidade com seu anfitrião e com Sammy Davis, Jr. - com quem, inclusive, ensaiou os números de orquestra -, que perduraria ao longo de sua vida. O programa bateu todos os recordes de audiência do ano, inserindo Elvis em um nova faixa de público e apresentado pela "Rat Pack", naquele momento, contava com grande prestígio, razão pela qual o astuto empresário Tom Parker o garimpara.

Anos 70

Na estrada

O ano de 1970 denotou um grande amadurecimento cênico e vocal de Elvis Presley, em relação ao anterior. Novas temporadas em Las Vegas ocorreram, com mudanças radicais em repertório - mais versátil e atualizado para aqueles dias -; shows avaliados como eletrizantes, tanto pela crítica como pelo público, porém com roteiros mais elaborados. Muitas dessas apresentações foram gravadas e deram origem a discos como "On Stage". Pela primeira vez no mundo, um artista prescindia de seu nome na capa - no original. Um novo marco! Apesar do grande sucesso, segmentos da crítica e dos estudiosos do show-business temiam que a rotina de espetáculos em Vegas, terra de pouca inventividade, pudessem tornar Elvis alienado e desmotivado, o que definitivamente não ocorreu.




A volta a Memphis

Apesar do aumento dos problemas pessoais e uma crescente piora em sua saúde com o visível aumento de peso, Elvis consegue empolgar em muitos de seus shows a partir de 1974, seus espetáculos foram se transformando, onde era priorizado a qualidade e grandiosidade das canções e sua voz que atingia cada vez mais o seu auge. O ano de 1974, artisticamente, foi deveras criativo para Elvis Presley e poderia ter se tornado a pedra fundamental para uma nova grande guinada em sua carreira e vida pessoal, o que aconteceria em parte, especialmente em alguns espetáculos em Las Vegas, onde Elvis inovou em seu repertório, bem como em seus trajes, bastante distintos em relação aos usados na época; Após 13 anos ausente dos palcos de Memphis, sua residência, neste 1974 Elvis voltou a apresentar-se na cidade, triunfalmente. O show do dia 20 de março foi gravado, garantindo-lhe novo Grammy pela performance de "How Great Thou Art", um clássico do cancioneiro religioso. Até hoje, o feito expressivo é referenciado como de grande relevância em sua carreira, por fãs e interessados em música e sua história.


A morte

Túmulo de Elvis em GracelandNa noite de 15 de Agosto Elvis vai ao dentista por volta das 11 da noite, algo muito comum para ele. De madrugada ele volta a Graceland, joga um pouco de tênis e toca algumas canções ao piano, indo dormir por volta das 4 ou 5 da madrugada do dia 16. Por volta das 10 horas Elvis teria levantado para ler no banheiro, o que aconteceu desse ponto até por volta das duas horas da tarde é um mistério, o desenlace ocorreu, possivelmente, no final da manhã, no banheiro de sua suite, na mansão Graceland, na cidade de Memphis, no Tennessee. Os fatores predisponentes sistêmicos, os hábitos cotidianos e as circunstâncias que culminaram com a morte de Elvis Presley, são dos pontos mais polêmicos e controvertidos entre seus biografos e fãs. Elvis só foi encontrado morto no horário das duas horas da tarde por sua namorada na época, Ginger Alden. Logo após, o seu corpo é levado ao hospital "Memorial Batista" e sua morte confirmada.

A morte de Elvis Aaron Presley no dia de 16 de agosto de 1977, causada por colapso fulminante associado à disfunção cardíaca, surpreendeu o mundo, provocando comoção como poucas vezes fora vista em nossa cultura; inclusive no Brasil.



( Conteúdo resumido retirado da wikipédia )

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Uma Poesia ( Cristina Almeida )


Uma Poesia

Uma poesia de presente,
pois quero ver-te contente
Desfazer meus enganos,
com você fazer
novos planos
Uma poesia só tua
para mostrar-te
toda minh'alma nua
e meu coração aflito
sufocando meu grito
Uma poesia rimada
para dizer-te que
por mim és amada
Uma poesia entrelaçada
com nuances de tantas
palavras aladas
Uma poesia sem ilusão,
pois a você quero
dar-te o meu coração...

Cristina Almeida

Eu e ela ( Música de Vander Lee )



Eu e Ela

Vander Lee
Composição: Vander Lee

Gotas de amor, girassol
Mares de sal, beijo floral
Pra falar nesse tempo, qual?

Do ventre exposto ao sol
Das flores postas no postal
Quantas caras nesse jornal

Foi quando a sede chamou
Pra acordar nosso amor
Fiz um tema na mão dela

Já fez calor, temporal
Você sem mim, tudo tão igual
Tudo bem, mas estou bem mal

Na TV não tem canal
Seu brilho tão sem meu cristal
Só tem música em meu dial

Mas o poema acenou
Pra acordar nosso amor

Quando a noite me revela
Sou eu e ela, eu e ela, eu e ela

Já fez calor, temporal
Você sem mim, tudo tão igual
Tudo bem, vou ficar legal

Se a TV não tem canal
Seu brilho tão não tem meu cristal
Só tem música em meu dial

Mas o poema acenou
Pra encenar outro amor

Meu Desenho - Casas do bananal



Essa é uma das artes que gosto e estou desenvolvendo, o desenho.

Quanto tempo mais? ( Cristina Almeida )



Caminhar por trilhas, que nos levem a lugares magníficos, que nos façam refletir, pensar nas coisas belas que temos neste planeta...
Um céu azul, iluminado pelo mais belo sol, aves de várias espécies a voar pelo céu, flores de várias tonalidades e perfumes, os diversos tons de verde que há na natureza... O som das águas de um rio, cachoeira ou das ondas do mar...
Quantas belezas naturais nossos olhos têm o prazer de presenciar!!! Mas com tristeza os mesmos olhos que presenciam tantas belezas, também vêem a degradação do nosso planeta, que pela ambição humana, agoniza...
Por quanto tempo mais o homem e sua ganancia vão passar por cima de tudo e de todos???
Ele se esquece que a maior herança que podemos deixar para nossos filhos e netos é justamente o planeta que ele vem massacrando!
Como cada um de nós podemos mostrar que nos importamos???
Simplesmente por termos consciência de nossas ações, pensarmos no ensinamento do maior homem que ja esteve na terra: Jesus Cristo, que nos ensinou que o bem que queremos que nos façam, devemos fazer também aos outros...
Então se eu não quero beber uma água poluída, não devo contribuir para poluir os rios, jogando o meu lixo em qualquer lugar; se eu não quero uma cidade suja, não devo jogar lixo pelas ruas, das janelas dos ônibus, nos transportes públicos e assim por diante...
Se pensarmos em nosso vizinho, como se ele fosse "EU", não faremos coisas que vão prejudica-lo e se todos pensarem assim, vai contribuir pra uma sociedade mais humana, mais fraterna, mais amorosa...
E dessa forma quem sabe, não possamos nos unir para salvar o nosso lar, o nosso planeta que tão generosamente nos acolhe, e nos dá tudo o que necessitamos para uma vida plena e feliz...

Cristina Almeida

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Marilyn Monroe



Marilyn Monroe, nasceu no County Hospital, em Los Angeles, em 1 de junho de 1926, seu nome verdadeiro: Norma Jean Baker Mortenson.
Norma Jean, passou grande parte de sua infância em casas de família e orfanatos.
Aos 16 anos casou-se com Jimmy Dougherty, de 21 anos com quem namorava ja por 6 meses, o casamento aconteceu no dia 19 de julho de 1942.
Em 1944 Jimmy entra para a marinha e foi transferido para o Pacífico Sul.
Após sua partida Norma Jean começa a trabalhar na fábrica Radio Plane Munition, na Califórnia.
Alguns meses depois, o fotógrafo Davis Conover a viu e ficou encantado com sua beleza, a convidou para uma seção de fotos e ele começou a lhe enviar propostas para trabalhar como modelo. Em 2 anos ela tornou-se uma modelo respeitável e estampou seu rosto em várias capas de revistas.
Quando seu marido retornou em 1946, ela teve de fazer uma escolha, entre seu casamento e sua carreira.
Norma Jean e Jimmy se divorciaram em junho de 1946.
Marilyn começou a carreira em alguns pequenos filmes, mas sua habilidade para a comédia, a sua sensualidade, levaram-na a conquistar papéis em filmes de grande sucesso, tornando-a numa das mais populares estrelas de cinema dos anos 50.
O sucesso de Marilyn em NIAGARA lhe rendeu os papéis principais em GENTLEMEN PREFER BLONDES, ( Os homens preferem as loiras )...
Seu fim aconteceu na manhã de 5 de agosto de 1962, aos 36 anos, Marilyn faleceu enquanto dormia em sua casa em Brentwood, na Califórnia.
Durante sua carreira, Marilyn atuou em 30 filmes e deixou por terminar " SOME THINGS GOT TO GIVE ". Seu nome representa ainda hoje mais que uma estrela de cinema e rainha do glamour, sendo para muitos um ícone, sinônimo de beleza e sensualidade.
Marilyn Monroe personificou o glamour de Hollywood com incomparável brilho e energia que encantaram o mundo.
( Conteúdo retirado da Wikipédia - Resumido por Cristina Almeida )

quarta-feira, 10 de junho de 2009

São meus sonhos ( Cristina Almeida )



Por quê perto de você
não consigo dizer não?
Minhas forças fogem
de mim...
E em meio aos seus abraços,
me perco em seu corpo...
Vivo em devaneios loucos
com você...
São meus sonhos de
viver um grande amor...
Sonhos de respiração
ofegante e beijos no pescoço,
sonhos de sentir suas
mãos fortes deslizarem
pelo meu corpo...
Fazendo um passeio
por lugares secretos onde
só você tem acesso...
Sonhos de ter você
só pra mim...
Deitar com você,
fazer-te amor e
depois de longas carícias
adormecer em teus braços
e despertar desejando-te
mais, mais e mais...

Cristina Almeida

Coisas Singelas,,,

Mangá Sensual 2 - Meu Desenho

Meus Trabalhos em Biscuit


Trabalhos feitos em biscuit, tábua de carne decorada com frutas de biscuit, cestinha toda feita em biscuit...

Abajour em Jornal e Papelão ( Reciclados )


Abajour feito com papelão e jornal, decorado com flores em biscuit

Cestaria em Jornal ( Reciclados )


Cesta feita em jornal, decorada com frufru de tecido riscadinho, potes decorados com bisbuit ( Cestinha para bebê )

Meu Desenho - Sólo de Mulher

Por um louco amor... ( Cristina Almeida )



Por um louco amor...

As coisas não iam muito bem na vida de Verônica, seu casamento estava em crise, seu marido tinha mudado totalmente, Fabrício antes era romântico e atencioso, mas agora, estava cada vez mais distante, grosseiro e não lhe dava mais atenção...
Emocionalmente abalada era assim que Verônica se sentia...
Em seu trabalho quando acessava seus emails alguém lhe enviou uma mensagem estranha, mas Verônica não deu muita atenção, mas houve insistência e ela acabou respondendo; acabou conhecendo Marcelo com quem começou a conversar no chat, os dois foram se tornando mais íntimos em suas conversas até que um dia Marcelo a convidou para sair.
Marcaram um encontro... E quando Verônica deu por si, estava frente a frente com aquele homem, nervosa, não sabia bem o que fazer, mas Marcelo percebendo seu nervosismo foi o mais gentil possível e passado os primeiros instantes Verônica foi se acalmando... Os dois conversaram longamente e Verônica foi percebendo que os dois tinham muito em comum... Outros encontros aconteceram até que Verônica percebeu que estava totalmente apaixonada por Marcelo...
Marcelo confessou que estava loucamente apaixonado por ela e que não podia mais aguentar aquela situação, queria estar com ela, queria amá-la... Verônica tinha de tomar uma decisão!!! Resolveu então pedir o divórcio a Fabrício... Quando se viu livre a primeira coisa que Verônica fez foi correr para os braços de Marcelo...
Ambos livres... Agora podiam viver intensamente seu louco e apaixonante amor...

Cristina Almeida ( 02/06/2009 - Crônicas de Cristina )